domingo, 24 de outubro de 2010

Londrina Norte Shopping retoma obras e entrega será em 2012

18/10/2010 - Prefeitura de Londrina

O Grupo Catuaí, em entrevista coletiva que contou com a presença do prefeito Barbosa Neto, anunciou hoje (18) a retomada e o calendário de obras para a construção do shopping Londrina Norte. O empreendimento abrange uma área total de 2.100 m², e vai incluir, além do shopping center, um complexo residencial, comercial e Centro Médico e Odontológico. O investimento da construção totaliza R$ 780 milhões, provenientes tanto do Grupo Catuaí quanto da loteadora Lotpar.

Sob a responsabilidade do Grupo Catuaí estão o Londrina Norte Shopping e dez edifícios comerciais e residenciais. Outros dez edifícios serão viabilizados pela Lotpar. Além de residências, alguns edifícios estarão disponíveis para abrigar os mais diversos serviços, como escritórios de advocacia e contabilidade, salões de beleza, além de um complexo médico e odontológico, que visa levar atendimento de qualidade para a região norte da cidade.

De acordo com a diretoria do grupo Catuaí, há cerca de 40 dias as obras de terraplanagem do terreno foram retomadas, depois de terem sido suspensas por cerca de dois anos, por causa da crise econômica. Agora, as negociações com os clientes foram reativadas, e o grupo pretende finalizar toda a terraplanagem em até 60 dias. Após essa etapa, as obras de construção do complexo serão iniciadas imediatamente.

O prefeito Barbosa Neto fez uso da palavra durante a cerimônia para exaltar a iniciativa do grupo empresarial em oferecer um complexo comercial para a região norte. "É preciso parabenizar o grupo Catuaí pelo investimento na cidade. Na região norte, hoje, existem cerca de 160 mil habitantes. Em dois anos, a maior praça em construção do Brasil do programa Minha Casa, Minha Vida, que está na zona norte de Londrina, estará pronta, e significará um aumento na população da região de até 40 mil habitantes. Serão 200 mil pessoas beneficiadas por este empreendimento", calculou o prefeito.

O prefeito comentou ainda o papel da Prefeitura na viabilização do projeto. "Para poder atrair investimentos como esse, a administração pública precisa visar a desburocratização, principalmente. As exigências ambientais e legais são necessárias, porém extremamente burocráticas. É preciso fazer com que a Prefeitura esteja imbuída de espírito empreendedor, e na área de inovação estamos vendo isso, a cidade está aberta, e não refratária a investimentos, como acontecia no passado", declarou Barbosa Neto.

O diretor do Grupo Catuaí, Alfredo Khouri, destacou que o grupo deseja focar investimentos na região norte para suprir as necessidades da população local. "Estamos voltando o empreendimento principalmente para as classes B e C, que nos últimos anos tiveram um grande avanço no poder aquisitivo. É uma classe forte, trabalhadora, que impulsiona o comércio da cidade, mas ainda é carente de infra-estrutura adequada para a região", afirmou o diretor.

"Hoje, se os moradores da região norte precisam de um médico, por exemplo, eles têm de se dirigir ao centro. A Zona Norte está esquecida, e não pela cidade, mas pelos próprios empresários. Não se vêem muitos prédios na zona norte, por exemplo, com altura superior a quatro pavimentos. Vamos oferecer uma excelente opção de moradia, ao lado de empreendimentos médicos e comerciais, bem localizados", completou Khouri.

Londrina Norte Shopping

O shopping vai contar com investimento de R$ 180 milhões, e vai gerar, ao longo da construção, de 800 a mil empregos diretos. Após a inauguração, que está prevista para o segundo semestre de 2012, serão gerados 2 mil empregos diretos. De acordo com o diretor do Grupo Catuaí, Alfredo Khouri, todos os espaços da fachada do shopping serão dedicados à prestação de serviços. A arquitetura interna do local seguirá o acabamento que foi implantado na expansão do shopping Catuaí.

O complexo está localizado entre as avenidas Carlos Strauss e Henrique Mansano, com grande visibilidade e fácil acesso, contando com escolas, terminal de ônibus, estádio e autódromo em seu entorno, que geram grande fluxo de pessoas. O shopping tem a expectativa de atender 500 mil pessoas por mês, e vai oferecer ambiente climatizado, horário de funcionamento ampliado, estacionamento monitorado e segurança.

O empreendimento contará com um hipermercado, 10 lojas âncoras/semi-âncoras, 14 lojas médias, 104 lojas satélites, 16 lojas de serviço, 02 restaurantes, 20 fast-food, um centro de diversões, seis salas de cinema e 1600 vagas de estacionamento. Sua área total será de 48 mil m², sendo 1,3 mil m² de Área Bruta Locável, abrigando 169 lojas.

As lojas âncoras e semi-âncoras com contratos já fechados são: Riachuelo, Lojas Havan, Centauro, Ponto Frio, Marisa, Magazine Luiza, Móveis Brasília, Ri-Happy Brinquedos, Show Play, Mc Donald's, Burguer King e Cine Araujo.

O projeto arquitetônico do shopping, desenvolvido por Carlos Domingos, atende ao conceito de Green Building (construção verde). O foco do projeto foi a sustentabilidade, com plantas construtivas abertas e planas para melhor aproveitamento de iluminação natural. Entre as iniciativas planejadas pelo grupo, está o aproveitamento de água da chuva, que será coletada em bacias metálicas, e a utilização de ar condicionado de grande eficiência energética.

Números do empreendimento

Área total do terreno: 210 mil metros quadrados
Localização: Avenida Carlos Strass com Avenida Henrique Mansano, na Região Norte de Londrina.

Shopping Londrina Norte
Investimento: R$ 180 milhões
Área total: 48.389, 97 metros quadrados
ABL: 31.345,34 metros quadrados
Total de Lojas: 169 lojas
Geração de empregos: 2.000, quando em funcionamento; 1.000 durante a obra

Complexo residencial e comercial
Investimento: R$ 600 milhões
Total de Edifícios: 20
Apartamentos residenciais: 100 a 200 metros quadrados
Salas comerciais: 50 a 70 metros quadrados

Com informações da assessoria do Grupo Catuaí

Foto: Luiz Jacobs

Londrina Norte Shopping retoma obras e entrega será em 2012
Barbosa Neto prestigiou a cerimônia que marcou a retomada das obras do empreendimento; investimento chega a R$ 780 milhões


Londrina Norte Shopping retoma obras e entrega será em 2012

Nenhum comentário:

Postar um comentário