terça-feira, 2 de outubro de 2012

Museu Brasileiro do Transporte será em Campinas

18/09/2012 - Tecnologística

A Fundação Memória do Transporte (Fumtran) apresentou hoje, dia 18 de setembro, em São Paulo, o projeto para o Museu Brasileiro do Transporte. Em evento realizado no Museu Brasileiro da Escultura (Mube), a Sra. Elza Lúcia Panzan, presidente da Fumtran, recebeu autoridades e imprensa para divulgar detalhes do projeto.

O museu será construído às margens da Rodovia Dom Pedro I, em Campinas (SP). A cargo da Fumtran, entidade configurada como Organização da Sociedade Civil de Interesse Público ligada à Confederação Nacional do Transporte (CNT), o Museu Brasileiro do Transporte será um ambiente dedicado ao conhecimento e à interatividade. "A ideia do museu se deu em 1996, com meu marido, Adalberto Panzan, e hoje me sinto feliz por poder realizar esse grande sonho", revela Elza.

Com três pavimentos, a estrutura do museu contará com espaços desenhados em aço, concreto e vidros. A entrada principal replica um grande hall de aeroporto, onde um painel eletrônico indicará as programações e exposições. A previsão é de que as obras sejam iniciadas no primeiro semestre de 2013 e estejam concluídas após 18 meses.

O escritório Athié Wohnrath recebeu a missão de desenvolver o projeto arquitetônico do museu, criando um espaço que possa abrigar a grandiosidade do tema e superar dois grandes desafios: construir uma obra neutra que traduza toda a realidade do setor de transportes no Brasil em um terreno urbano, próximo a uma grande via de circulação, e transformar parte desse espaço em um centro de convenções contemporâneo, flexível, voltado à comunidade e ao mercado, ancorando-se em bases sustentáveis para tornar-se rentável.

O conceito do museu é abordar o universo multimodal e as grandes transformações que o País viveu ao longo das últimas décadas, representadas em todos os modais: rodoviário, ferroviário, aquaviário e aéreo.








Enviado via iPhone

Nenhum comentário:

Postar um comentário