segunda-feira, 20 de outubro de 2014

Nova Estrada do Curralinho será aberta na quarta-feira

20/10/2014 -  A Tarde - BA
Será entregue na próxima quarta-feira, 22, às 8h30, a Estrada do Curralinho, nova ligação entre as avenidas Paralela e Luís Eduardo Magalhães e o bairro do Stiep.
A nova ligação é formada por duas vias, compostas por duas faixas de trânsito cada, que totaliza dois quilômetros de extensão. Para a obra, executada pela Companhia de Desenvolvimento Urbano do Estado da Bahia (Conder), foram investidos R$ 5 milhões na execução dos serviços de pavimentação e urbanização, além da implantação de passeios, iluminação pública e paisagismo.
O objetivo, segundo informações da assessoria de comunicação do órgão, é desafogar o grande tráfego de veículos em duas áreas constantemente congestionadas da capital baiana: a avenida Tancredo Neves e o acesso ao bairro do Costa Azul.
A ligação viária cria alternativas de tráfego, principalmente para quem costuma passar pelos bairros do Stiep, Costa Azul, Imbuí, Boca do Rio e Jardim Armação.
A estrada é integrada às alças de ligação da avenida Luís Eduardo Magalhães com a BR-324, aos viadutos e às vias marginais da Paralela, intervenções do programa Mobilidade Salvador, do Governo do Estado da Bahia, inauguradas este ano.
Em nota, o diretor de Obras Estruturantes da Conder, Sérgio Silva, informou que, após a liberação do tráfego entre a avenida Luís Eduardo Magalhães e a Estrada do Curralinho, as vias do entorno serão monitoradas pela Transalvador para avaliar o impacto no sistema viário local e a adoção de possíveis ajustes. A expectativa do órgão é que haja redução dos engarrafamentos em vias importantes.
Roteiros
O condutor que trafega da Paralela sentido centro da cidade poderá seguir pela alça do viaduto da avenida Luís Eduardo Magalhães e a nova ligação até a Estrada do Curralinho para chegar a Boca do Rio e Orla Marítima, evitando o fluxo intenso de veículos da Tancredo Neves.
O novo acesso servirá, ainda, para quem desejar transitar pelos bairros adjacentes à Orla Marítima e opte por sair da cidade utilizando a BR-324. Para tanto, basta seguir pela nova alça de acesso à Paralela até a avenida Luís Eduardo Magalhães pelo viaduto existente no local até a rodovia federal.
Moradora do Stiep há sete anos, a empresária Sandra Carvalho, 41, acredita que a nova via vai reduzir o tempo do trajeto que ela faz diariamente até o shopping Pararela. "Chego a levar 40 minutos do Stiep até o início da Paralela por conta do engarrafamento nas proximidades do hospital Sarah", contou.

Nenhum comentário:

Postar um comentário