quarta-feira, 4 de março de 2015

Empresa dona do Rockefeller Center terá empreendimento em Minas Gerais

03/03/2015  - Folha de São Paulo

A americana Tishman Speyer, desenvolvedora e gestora de fundos de imóveis de alto padrão, como o Rockefeller Center, em Nova York, uniu- se às mineiras Caparaó e Codeme para construir um complexo corporativo na região de Belo Horizonte.

Esse será o primeiro projeto da Tishman em Minas - a empresa já atua em São Paulo, no Rio e em Brasília. O empreendimento terá quase 60 mil metros quadrados de área construída e receberá um aporte de R$ 350 milhões.

Apesar do momento ruim da economia e da desaceleração do setor imobiliário no país, os sócios avaliam que a demanda estará mais aquecida daqui a três anos, quando as obras forem concluídas.

"Hoje, não estamos no melhor dos cenários, mas empreendimentos como esse não são de curto prazo", afirma Maria Cristina Valle, vicepresidente da Caparaó.

"Além disso, diferentemente do que ocorre em São Paulo, Belo Horizonte não tem tantos edifícios corporativos de alto padrão."

A estrutura tem potencial para locação em bloco para duas ou três companhias, segundo a executiva. "Principalmente grandes empresas que estão com unidades espalhadas pela capital e querem unificar suas operações para reduzir custos e melhorar sua produtividade."

O prédio será construído em Nova Lima, município vizinho de Belo Horizonte que é um dos vetores de expansão da região metropolitana.

Com um portfólio avaliado em US$ 66,9 bilhões, a Tishman é responsável por quase 360 projetos no mundo.

Nenhum comentário:

Postar um comentário